Carros usados: veja os 6 golpes mais comuns na negociação de um veículo

//Carros usados: veja os 6 golpes mais comuns na negociação de um veículo

Carros usados: veja os 6 golpes mais comuns na negociação de um veículo

Comprar ou trocar de carro é uma decisão importante na vida de uma pessoa. Entretanto, é uma transação que deve ser realizada com cautela, uma vez que

existe uma linha tênue entre fazer uma ótima compra e ser enganado.

De fato, existem várias tipos de fraudes e adulterações que mascaram defeitos de carros usados ou seminovos. Além disso, a criatividade elabora golpes diferentes no momento da transação de compra.

A fim de evitar que você seja passado para trás, separamos uma lista com os 6 principais problemas na hora de comprar um veículo usado:

1 – Ocultar colisões

Bater o carro pode comprometer a lataria. Quando isso ocorre, os reparos devem ser realizados com peças autênticas para não desvalorizar o veículo. 

Porém, a maneira correta é mais cara. Dessa forma, muitos apenas disfarçam as batidas colocando uma “massa” e pintando por cima.

2 – Adulterar a quilometragem

É preciso ficar bem atento porque esse é um dos golpes mais comuns. Nele, o proprietário diminui a quilometragem percorrida para valorizar o veículo.

Por isso, é importante ficar de olho em outros aspectos do carro, como bancos, volante e câmbio. Eles podem ser bons indicativos!

3 – Carga no ar condicionado

Para mascarar a falha no ar condicionado, algumas pessoas realizam uma carga de gás nesse aparelho. 

Assim, é importante verificar se não há algum vazamento. Se houver, pode ser que o ar condicionado pare de funcionar de novo em um curto período de tempo.

4 – Peças piratas

Às vezes, as peças precisam ser trocadas, seja por colisão ou por ação do tempo. Acontece que as peças originais são mais caras e, por isso, muitos proprietários optam pelo uso de peças paralelas.

Entretanto, ao realizar essa escolha, o preço de manutenção e de revenda do carro são impactados. Dessa forma, é importante atentar-se ao uso de peças piratas, que parecem originais, mas tem uma qualidade muito inferior.

5 – Outra qualidade dos pneus

Algumas pessoas mascaram os defeitos e desgastes dos pneus com produtos como silicone e reparador. Assim, eles aparentam ser novos.

Um pneu padrão costuma durar mais ou menos 40 mil quilômetros. Por isso, fique de olho se eles foram trocados antes de atingir essa marca ou se aparentam estar novos demais.

6 – Carro muuuuito barato

Porque alguém ia vender um veículo com um preço tão abaixo da média do mercado? Desconfie das ofertas generosas demais.

Existem quadrilhas profissionais em falsificar documentos e clonar carros advindos de furtos ou roubos. Outros, compram o veículo em nomes de laranjas e vendem pelo preço que desejarem, uma vez que não pretendem pagar o financiamento.

Por isso, é extremamente importante saber a procedência do veículo.

O que fazer para fugir dos golpes?

É preciso avaliar as reais condições estruturais, da pintura, manutenção e de identificação do carro. Do mesmo modo, é importante analisar a procedência e histórico tanto do carro quanto de sua documentação.

Para isso, o ideal é procurar a ajuda de um especialista. Na Super Visão você conta uma equipe de profissionais qualificados e com tecnologia de ponta.

Além disso, você encontra a vistoria mais completa do mercado. A Vistoria Certicar é um produto exclusivo: o verdadeiro raio X do veículo. 

Antes de comprar um carro, que tal agendar sua vistoria?

Por |2019-09-25T15:55:34-03:0025 de setembro de 2019|0 Comentários

Sobre o Autor:

Avatar

Deixar Um Comentário

três × dois =